O que esperar das viagens com bebês!

24 de Março de 2019

E o medo de viajar depois que o bebê nasceu? Quem nunca teve que atire a primeira pedra! 😳

Como eu sempre falo , a culpa acompanha a maternidade desde o início… o medo também!

Aquela insegurança de tirar o bebezinho de casa, do quartinho, da rotina, atrapalham muitas mamães na hora de decidir o melhor momento para fazer uma viagem após o parto.

Eu, como mãe de segunda viagem, posso falar para vocês: viajar é libertador!!! Melhora nosso humor, auto estima, cansaço, relacionamentos… é um santo remédio! A gente volta muito mais leve para casa porque a gente aprende que a criança se adapta! Então, mamães, a palavra é: CORAGEM! Não fiquemos reféns da rotina! 💪🏻

Vou deixar aqui algumas dicas para quem pretende deixar os medos de lado e partir para uma aventura com o/os filhote/filhotes!

✈️ Se for viajar de avião, leve uma roupinha ou manta para o frio (tanto na ida quanto na volta). O ar condicionado costuma ser bem frio para os pequenos! Leve uma roupa você também! Vai que o neném golfa em vc!
✈️ Leve um kit troca de fraldas! Algo que você consiga levar para o banheiro e que já tenha o trocador, a fralda e a pomada, sem precisar levar toda a bolsa! No avião, principalmente, o espaço é bem apertado!
✈️ Brinquedos (MUITOS!) e/ou tablet e/ou celular com vídeos já baixados – tudo para deixar a criança entretida durante o percurso!
✈️ Esterelizador portátil, bucha e sabão baby. Esses itens são essenciais para a limpeza dos acessórios do bebê. Esse esterelizador é uma mão na roda porque é só colocar um pouco de água e deixar um tempo no microondas. É um saquinho de plástico com vedação, específico para esterelizar.
✈️ Se vai para a praia, compre uma tela mosquiteira para carrinho! Até 6 meses o bebê não pode usar repelente!
✈️ Confira se o local que vocês ficarão hospedados tem berço! Se não tiver, é muito legal levar um berço portátil! É prático e seguro!
✈️ Leve uma banheira ou piscina inflável pequena! Facilita a vida!!!
✈️ Canguru! Já fiz stories sobre o assunto. O bebê fica juntinho e a mamãe fica com as mãos livres (no aeroporto, principalmente, o canguru salva!)
✈️ Se a introdução alimentar já começou, vale a pena levar papinhas congeladas! É super prático e você pode pedir para esquentar em qualquer lugar! Curiosidade: quando fomos para a Itália, vi que era comum para bebês papinha de carne de cavalo e de coelho!! Eu abri a minha mente e dei a papinha!!!! 😬
✈️ Leve protetor solar infantil ou aquelas roupinhas com proteção UV!
✈️ Por último, mas não menos importante: na decolagem ou aterrissagem do avião, o bebê precisa estar sugando (peito/mamadeira/chupeta). É super importante para não afetar os ouvidos dos nossos pequenos.

E, aqui, a DICA MASTER: não dá pra fazer uma viagem no mesmo ritmo que uma viagem sem filhos. ADAPTE-SE. Diminua a quantidade de destinos, de programas, inclua uma programação kids. Acredite: vale a pena! 😉

Viagens com bebês podem ser maravilhosas também! Quero ressaltar aqui que tem sido fundamental a participação do meu marido! Aqui são 2! O pai e a mãe precisam se dividir igualmente nas tarefas, para que a viagem não fique cansativa para a mamãe!!

Com amor, Rebeca 💞

Deixe um Comentário